Secretário de Saúde de Igaporã, é acusado de ´fura a fila´ em vacinação para Covid-19

Secretário de Saúde de Igaporã, é acusado de ´fura a fila´ em vacinação para Covid-19

Segundo o promotor de justiça, Jailson Trindade Neves, o Secretário de Saúde Márcio Fagundes da cidade de Igaporã foi “vacinado sem fazer parte dos grupos definidos como prioritários. Esses grupos foram preteridos, segundo o promotor, quando o Secretário permitiu que outras pessoas também recebessem a dose de vacina de forma irregular.
“Como as vacinas chegam gradativamente, em pequenas quantidades, sobretudo por se tratar de Município de pequeno porte no interior do estado, é imperioso que o Município desenvolva o seu Plano de Vacinação local, com parâmetros claros e objetivos, a fim de alocar adequadamente os recursos escassos dentro dos grupos prioritários. A lista dos vacinados até o momento revela que não foi isso que aconteceu”, afirmou Jailson Neves.
O promotor acusa o secretário de improbidade administrativa e pede à justiça que o impeça de receber a segunda dose da vacina, além pagar multa no valor de R$ 50 mil. O MP/Ba requer, ainda, que o Secretário divulgue uma retratação pública, através da qual reconheça o ato ilícito e enfatize a importância da população seguir o cronograma de vacinação a partir dos grupos definidos como prioritários. Jailson Trindade pede, também, a desvinculação da imagem de Márcio Fagundes da campanha de vacinação no município.
O Secretário Municipal, procurou a reportagem da Web Rádio Igaporã, parceiro do Radar 030, para comentar sobre a ação civil pública, ajuizada pelo Ministério Público da Bahia (MP/Ba), que o acusando de ter “furado a fila da vacina” contra a Covid-19, ao receber a dose do imunizante, mesmo estando fora dos grupos prioritários.
Márcio disse que estranha o fato de ter sabido da Ação pela imprensa, sem ter recebido qualquer notificação judicial. Garante que está totalmente à disposição do MP/Ba para prestar todos os esclarecimentos necessários, mas adiantou que o programa de vacinação contra a Covid-19, em Igaporã, segue rigorosamente as normas estabelecidas pelo Ministério da Saúde e da Secretária de Saúde da Bahia (Sesab).
De acordo com o site da Sesab, o município já recebeu 470 doses de vacinas contra a Covid e aplicou 380, representando 80,9% do total programado. A campanha para aplicação da segunda dose ainda não começou em Igaporã.

Fonte: Rádio Igaporã

 

CATEGORIAS
Compartilhar